A Singularidade & Ponto Zero…

Maxwell Igan expressa seu ponto de vista sobre a Singularidade. O vídeo é uma ótima introduçãopara assunto. Faço das palavras dele, as minhas.
Aqui [X] está o link de um artigo na Wikipédia sobre o “Problema da Medição” que ele comenta.
A Singularidade

A solidez do mundo parece inquestionável, assim como seu corpo e seu computador parecem ser coisas fixas que você pode ver e tocar, mas o que vem sendo discutido desde os tempos de Einstein com o nascimento da física moderna, é o fato dessa solidez ser uma miragem.

O físico nuclear Ernst Rutheford realizou uma experiência em Manchester que revelou a forma interior do Átomo. Os cientistas ficaram surpresos quando descobriram que o átomo é praticamente um espaço vazio. E daí surgiu uma pergunta intrigante para a razão da ciência ortodoxa: “Como é possível um átomo vazio formar o mundo sólido que nos rodeia?”  .

Toda ‘matéria física’, ou seja tudo a nossa volta, é resultado de uma vibração, uma frequência, isso significa que se você alterar a frequência, a estrutura de matéria também vai mudar. Nós vivemos em um Universo holográfico, e em um holograma cada pequena parte é um reflexo do TODO, a estrutura sempre segue o mesmo padrão. Por exemplo, o átomo e o sistema solar, e podemos ainda ir mais além, pois uma galáxia se comporta da mesma maneira e também possui uma Singularidade em seu centro. Quanto mais perto do núcleo de uma galáxia, mais Radiação/Luz existe, sabemos que no centro de uma galáxia existe um enorme Buraco Negro. Isso nos leva a teoria de Nassin Haramein, onde no núcleo de cada átomo há um “mini Buraco Negro“, se lembrarmos que no núcleo do átomo há o Próton e o Nêutron“lutando” para se equilibrarem, percebemos que a Singularidade é o equilíbrio entre as polaridades, ou seja, matéria e antimatéria, vibração e a não vibração ou caos e harmonia co-existindo.

Neste gráfico de tempo e espaço a Singularidade está representada
como o Observador no Agora.

“Não existe o que chamamos de ‘matéria’, toda matéria surge e existe apenas em virtude de uma força que leva as partículas de um átomo a vibrar e manter equilibrado esse diminuto sistema solar que é o átomo. Temos de aceitar a existência de uma mente consciente e inteligente por trás dessa força. Essa Mente é a matriz de toda a ‘matéria’.”~Max Planck [Criador da Física Quântica]

Matematicamente, há muitos tipos de singularidades. Uma singularidade é, por exemplo, o que acontece em situações como a divisão por zero, que resulta indefinida, ou infinito. A singularidade marca um ponto de transição entre dois domínios, ou dois mundos, num ponto ou instante.
Na física, este conceito de singularidade também tem aplicação. No espaço, por exemplo, os buracos negros são singularidades. Um buraco negro é um ponto de massa a tender para o infinito, onde tudo colapsa – toda a matéria no horizonte do buraco negro é atraída para o centro desse mesmo buraco. Não escapa nem a poeira, nem tão pouco a própria luz. Daí a designação de buraco negro, porque se absorve toda a luz não é o próprio buraco visível. Mas para onde vai a matéria absorvida pelo buraco negro? Ninguém saberá ao certo, mas uma das explicações possíveis é que surja noutro universo, ou noutro ponto do espaço-tempo. Ou seja, o buraco é uma singularidade que atua como sumidouro no nosso universo, permitindo a transição imediata para outro universo.” ~Artigo 33: Tecnociência (A Singularidade)
Toda matéria no universo é “expelida” e “controlada” pelas Singularidades ou Buracos Negros. Desde o Big Bang toda essa realidade é “administrada” por esse padrão, do nível subatômico até o de uma galáxia (ou além), o único lugar que a vibração encontra a não vibração é dentro de uma Singularidade.
O espaço que pensamos ser o “vazio” é na verdade um elemento básico para a estrutura perceptível da existência, conhecida por vários nomes, como: Energia Etérica, Prana, Chi e etc. A realidade é maleável e é moldada pela intenção/vontade, mas não a vontade do ego, não intenção no sentido de desejos, mas em uma perspectiva mais abrangente, isso é, a realidade é formada pela consciência. A consciência é a única que cria e modela a realidade individual e coletivamente, essa consciência é a Singularidade.

“O Coração humano é documentado como o mais forte gerador de campos eléctricos e magnéticos no corpo. Isto é importante porque nós sempre fomos ensinados que o cérebro é onde toda a ação acontece. Enquanto o cérebro também tem campos elétrico e magnéticoeles são ambos relativamente fracos em comparação com o Coração.
O coração é cerca de 100.000 vezes mais forte  eletricamente e até 5.000 vezes mais forte do que o cérebro magneticamente.
O mundo físico (como nós conhecemos) é feito desses 2 campos: campos elétricos e magnéticos de Energia.(e o Éter também, mas isso a nossa ciência não pode comprovar ainda, mas sem a existência dessa substância sútil, nada existiria.)
A Física nos diz agora que se pudermos alterar o campo magnético ou o campo elétrico do átomo, isso literalmente mudaria esse átomo. O coração humano é projetado para fazer as duas coisas.
Isso prova que nós literalmente mudamos a realidade com os nossos pensamentos e sentimentos! ~David Math ~
Mas não interprete isso como “Pense e você terá”, esse é um modo falho de entender a “lei da atração”, pois o problema nisso é que acaba por achar que o “você” que molda a realidade é o egoO ego é apenas uma ferramenta, e como dizia Alan Wattsum bom servo, mas um péssimo mestre. O universo é um reflexo do que podemos chamar de nossa “consciência coletiva”, que cria constantemente sem cessar, respeitando as leis dos estados vibratórios estabelecidos na criação deste Universo. Você acha difícil “enxergar” dessa forma? Então pare de usar apenas o hemisfério esquerdo do cérebro que pensa apenas logicamente. Use os dois hemisférios e equilibre sua visão criativa. A “fé” sozinha é uma forma de crença imutável e rígida, onde nenhuma nova informação entra, e o mesmo se aplica para a lógica, que por mais que as pessoas que se consideram intelectuais não gostem de aceitar isso, a lógica também é uma crença, pois no fundo NUNCA poderemos ter certeza de nada, como já dizia Sócrates “tudo que sei é que nada sei”. Se você se encarcerar inconscientemente não se permitirá aprender. É preciso equilibrar ambos os lados, e aceitar certos paradoxos, pois existem muitas coisas que estão além do nosso entendimento atual.
O Processo Continuo
Então, houve uma explosão, o Big Bang, bilhões de anos atrás, e esse evento é o responsável pela criação de todas as galaxias, sistemas solares, planetas, até mesmo o tempo e espaço em si, ou seja, tudo que existe neste universo e nós somos essa explosão. Para exemplificar o que eu quero dizer com vamos simbolizar esse evento da seguinte maneira: Imagine se jogássemos um balão com tinta na parede, quando ela atingir a parede toda a tinta ira se espalhar, e no meio é a parte mais densa, onde a tinta está concentrada, e quando vamos direcionando nossa visão para as bordas as gotas da tinta ficam cada vez mais finas e formam padrões mais complexos. 
Arte de Alex Grey

Simbolicamente, da mesma maneira houve uma explosão no começo do universo e tudo se espalhou. Você e eu, somos seres humanos complexos que estão bem, bem longe da explosão inicial, estamos quase no fim da borda, nós somos as gotas de padrões complicados. Mas então nós nos definimos como sendo apenas isso, e se você se considera apenas um “eu” dentro de um saco de carne é o mesmo que se considerar uma gota de tinta complicada, bem no fim da explosão, bem longe no espaço e bem longe no tempo. Bilhões de anos atrás você era um Big Bang, agora é “só” um ser humano complicado… E com isso nós nos cortamos da percepção que somos a totalidade, e não nos sentimos conectados com o processo da existência, não percebemos que continuamos sendo o Big Bang, mas nós somos! Depende de como você define a si mesmo. Nós não somos algo que surgiu apenas como resultado do Big Bang, no final do processo… NÓS SOMOS O PROCESSO. Somos a força originaria do Universo surgindo exatamente da maneira que somos agora.

O que é realidade?

No primeiro video foi comentado sobre a entrada do nosso sistema solar no “Cinturão de Fótons” ou “Plano Galáctico” detectado pelos astrônomos desde as décadas de 60 e 70. A medida que nos aproximamos desse Cinturão, a Ressonância de Schumann aumenta de acordo com a Sequência de Fibonacci (1, 1, 2, 3, 5, 813…).
Já a Cimatica demonstrou que quanto maior a freqüência, mais complexo se torna a estrutura do som, da vibração emitida, ou seja o mesmo acontece com o que chamamos de matéria. A fiscalidade é definida por um padrão que acompanha uma freqüência/energia.

Filme 13º Andar

Toda essa realidade e as suas 4 dimensões(Altura, largura e profundidade = Espaço e mais Tempo que também é uma dimensão, dimensão não é o mesmo que densidade ou plano) é percebido por nossos 5 sentidos(visão, audição, olfato, tato e paladar) que por sua vez são todos apenas sinais elétricos interpretados por nossos cérebros. Sendo assim, podemos afirmar que TUDO que chamamos de realidade são sequências especificas de códigos que montam esse Holograma de Tempo e Espaço.
Nossos corpos são um conjunto de códigos. Esse conglomerado ou esse conjunto de códigos está contido numa “chave biológica” chamado DNA, o nosso Código Genético.
Uma sequência especifica de genes ativados em nós podem fornecer capacidades que nem imaginamos(Por exemplo: John Chang), assim como outras sequências das quais já fazemos uso é o que nos fornece os nossos 5 sentidos e etc.
DNA = Informação codificada.
Com a alteração da frequência da Terra, nossos corpos vão ser obrigados a equilibrarem a sua vibração, ou seja, alterar os códigos que nos compõem. Como dissemos antes, a medida que as frequências se amplificam, os padrões ficam mais complexos, o que torna difícil ter certeza o que podemos esperar.

Devemos estar sempre preparados para enfrentar essas mudanças na consciência, e isso pode ser perigoso pois muitas pessoas estão quase sempre com medo e em disputa uns contra os outros. Enquanto estivermos nesse estado mental, vibraremos em uma freqüência baixa e densa, isso reduz extremamente o nosso potencial e esse é o propósito de todo o sistema. A estrutura da sociedade atual é feita pra criar um estado de medo constante, para termos estresse, para nos deixar preocupados quanto ao amanha, nos fazer sentir culpados pelo ontem, e esquecer o AGORA. A psicologia moderna hoje já sabe que as únicas emoções que nós sentimos é amor ou medo, todo resto é derivado desses dois, como a nossa raiva que nada mais é do que um ato de medo, ou amor reprimido, uma sensação de impotência perante uma situação que não se tem ‘controle’.

Arte de Alex Grey

É bom deixar claro que nossas emoções afetam diretamente a estrutura de nosso DNA, que por sua vez afeta diretamente o corpo assim como a nossa percepção da ‘realidade’. Temos que compreender que se você modificar o campo(nossas emoções alteram nosso campo eletromagnético) em que o átomo está, você modifica o átomo, e nós somos feitos desses átomos, portanto quando nós temos pensamentos, e por consequência sentimentos(ou vice-versa), nós estamos modificando o campo que conecta os átomos que nos compõe, portanto estamos literalmente nos modificando e modificando o ambiente em que vivemos de acordo com nós mesmos.
Fica nítido então, perceber que alguém está manipulando nossa percepção dessa fiscalidade para nos aprisionar num perpetuo estado vibratório. Não querem que entendamos além desse estado, pois assim, recuperamos nossa liberdade. Todos nós devemos tomar muito cuidado com o que pensamos, acreditamos e sentimos, porque a realidade é um holograma controlado pela vibração de sua consciência você está literalmente ajudando a criar o futuro com a sua corrente de pensamentos.

“Cuide de seus pensamentos; Eles se tornam suas palavras. Cuide de suas palavras; Elas se tornam suas ações. Cuide de suas ações; Elas se tornam seus hábitos. Cuide de seus hábitos; Eles criam o seu personagem. 
Cuide de seu personagem, ele determina o seu destino.”~ Lao Tzu~

Desde o nível sub-atômico a realidade se comporta de acordo com a expectativa do observador(que é o que nós somos no fundo), porque o observador é a consciência que percebe a realidade, o ato de observar algo é o ato de criar algo para ser visto, como foi falado antes, é a consciência que molda o universo todo. Mas vale destacar novamente que não são seus pensamentos que vão te direcionar de uma realidade para outra, não é a escolha feita pela “mente consciente” que importa, mas o seu estado de consciência como um todo.
Você não deve tentar fugir dessa realidade. Se está aqui e agora, é porque precisa estar, então esteja, aprenda com sua estadia aqui e ajude os outros. Entenda que não estamos aqui para fazer escolhas, mas para entender as escolhas que já fizemos e experienciar as consequências, sejam elas positivas ou negativas.

Não existe colher, somente você…

“Pois eu estou dividido pelo bem do amor; para haver a possibilidade de união.”~“O Criador” (AL I:29) O Livro da Lei. 93~

A Singularidade dividiu a si mesma para haver a ilusão de individualidade até certo ponto, pois se a totalidade é a totalidade, tudo que existe, então nada será surpresa, tudo está lá, imóvel, perfeito, completo. Precisa haver certo nível de limitação para a criatividade existir, e principalmente para se criar a noção de tempo e espaço. Todos os momentos são simultâneos, estamos atravessando uma estrutura de tempo e espaço(é o que podemos chamar de Matrix), onde existem inúmeras possibilidades das quais podemos ter experiência. São nossas escolhas que irão definir quais serão as possibilidade que vivenciaremos. Para mudar a realidade que vivemos precisamos primeiro mudar a nós mesmos, pois a realidade é somente um reflexo do nosso interior, precisamos nos enxergar como UM, nossas ações, nossos pensamentos, nossas emoções, tudo é compartilhado pela mesma consciência, precisamos aceitar e criar consciência de que nossas escolhas influenciam em tudo que existe.
Façamos dos nossos pensamentos e nossas ações exemplos para que os outros possam seguir. Se ninguém desse o primeiro passo, jamais teríamos aprendido a andar.
Um bom modo de começar, é tratar bem a si mesmo, sentir o seu amor, compreender que a pessoa ao seu lado é você em outra forma. Quando estiver estabelecido essa conexão, ajude os outros a verem.

As pessoas tem a tendência de focar no lado ruim da religião(Religare = religação com a essência), e esquecem a mensagem que Jesus, Buda, Krshna e todos os outros passavam: “Ame ao próximo, como ama a si mesmo”, porque você é o outro. E deram enfase em buscar conhecer o amor em 1 João 4:8 “Aquele que não conhece o amor, não conhece a deus, pois deus é amor”. Somente através do “amor divino”(uso esse termo para não associar com o “amor sentimental“), a si mesmo, ao próximo e a todas as coisas, é que podemos nos conectar com a Singularidade e sermos realmente livres.
Embora a bíblia tenha suas alterações(livros foram retirados e outros adicionados) e péssimas interpretações foram feitas, existem conteúdos que podem ser aproveitados. Tudo depende do seu senso critico.

No que você acredita? O que é fé?…

Todos os caminhos levam para a compreensão que 

Somos UM!

***
Edit: A pedido nos comentários do antigo blog, venho destacar que esse não é um artigo cientifico, não tenho a intenção de provar nada, não quero convence-los de nada, estou dividindo uma perspectiva. Muito do que é falado aqui são teorias (como basicamente tudo na ciência), mas outras coisas já foram comprovadas, por isso, leia. absorva as informações e pesquise por si mesmo para tirar suas conclusões.
Ouça a todos! Não siga ninguém!
***

Vídeos relacionados:

Terence Mckenna fala sobre a sua visão da Singularidade
Wayseers Manifesto (Visionarios do “Caminho”)
Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s